Arquivo da categoria: Sem categoria

DIA NACIONAL DAS ARTES

dia-das-artes

Anúncios

20 DE NOVEMBRO – DIA NACIONAL DA CONSCIÊNCIA NEGRA

BANNER_BLOG_DIA_CONSCIENCIA_NEGRA_V2

A data de 20 de Novembro foi escolhida para a celebração do Dia da Consciência Negra por ser esse o dia da morte de Zumbi, líder do Quilombo dos Palmares. 1695 foi o ano da morte de Zumbi.

No dia da Consciência Negra o objetivo é fazer uma reflexão sobre o relevo da cultura e do povo africano e o impacto que tiveram na evolução da cultura brasileira. Sociologia, política, religião e gastronomia entre várias outras áreas, foram profundamente influenciadas pelas culturas negra e africanas. É dia de comemorar e mostrar profundo apreço pela cultura afro-brasileira.

Origem do Dia Nacional da Consciência Negra
O Dia da Consciência Negra foi estabelecido pelo projeto lei número 10.639, no dia 9 de janeiro de 2003. No entanto, apenas em 2011 a presidente Dilma Roussef sancionou a Lei 12.519/2011 que cria a data, sem obrigatoriedade de feriado.

História de Zumbi
No período do Brasil colonial, Zumbi simbolizou a luta do negro contra a escravidão que sofriam os brasileiros de raça negra. Zumbi morreu enquanto defendia a sua comunidade e lutava pelos direitos do seu povo.

Os quilombos, liderados por Zumbi, formavam a resistência ao sistema escravista que vigorava, e eram o principal motor responsável pela preservação da cultura africana no Brasil.

Zumbi lutou até à morte contra a escravidão, que só viria em 1888, com a abolição oficial da escravatura.A abolição da escravatura, de forma oficial, só veio em em 1888, 193 anos após sua morte.

 

FONTE: calendarr . com / brasil / dia – nacional – da – consciencia – negra /

13 DE MAIO – ABOLIÇÃO DA ESCRAVATURA

Dia da Abolicao - BRASIL ESCOLA

A partir da segunda metade do século XIX, vários intelectuais, escritores, jornalistas e políticos discutiam a relação existente entre a utilização da mão de obra escrava e a questão do desenvolvimento nacional. Enquanto as nações europeias se industrializavam e buscavam formas de ampliar a exploração da mão de obra assalariada, o Brasil se afastava desses modelos de civilidade ao preservar a escravidão como prática rotineira.

De fato, mais do que uma questão moral, a escravidão já apresentava vários sinais de decadência nessa época. A proibição do tráfico encareceu o valor de obtenção de uma peça e a utilização da força de trabalho dos imigrantes europeus já começava a ganhar espaço. Com isso, podemos ver que a necessidade de se abandonar o escravismo representava uma ação indispensável para que o Brasil viesse a se integrar ao processo de expansão do capitalismo.

A Inglaterra, mais importante nação industrial dessa época, realizava enormes pressões para que o governo imperial acabasse com a escravidão. Por de trás de um discurso humanista, os britânicos tinham interesse real em promover a expansão do mercado consumidor brasileiro por meio da formação de uma massa de trabalhadores assalariados. Paralelamente, os centros urbanos brasileiros já percebiam que o custo do trabalhador livre era inferior ao do escravo.

Respondendo a esse conjunto de fatores, o governo brasileiro aprova a Lei Eusébio de Queiroz, que, em 1850, estipulou a proibição do tráfico negreiro. Décadas mais tarde, a Lei do Ventre Livre (1871) previa a liberdade para todos os filhos de escravos. Esses primeiros passos rumo à abolição incitaram a criação da Sociedade Brasileira contra a Escravidão e, três anos mais tarde, no estabelecimento da Confederação Abolicionista, em 1883.

Apesar de toda essa efervescência abolicionista manifestada em artigos de jornal, conferências e na organização de fugas, vários membros da elite rural se opunham a tal projeto. Buscando conter a agitação dos abolicionistas, o Império Brasileiro aprovou a Lei Saraiva-Cotegipe ou Lei dos Sexagenários, que previu, no ano de 1885, a libertação de todos os escravos com mais de 65 anos de idade. Na prática, a lei atingia uma ínfima parcela de escravos que detinham um baixo potencial produtivo.

Dando continuidade à agitação abolicionista, vemos que o ano de 1887 foi marcado pela recusa do Exército brasileiro em perseguir escravos e a clara manifestação da Igreja Católica contra tal prática. No ano seguinte, assumindo o trono provisoriamente no lugar do pai, a princesa Isabel assinou a Lei Áurea, no dia 13 de maio. Possuindo apenas dois artigos, a lei previu a libertação dos escravos em território brasileiro e a revogação de qualquer lei que fosse contrária a essa medida.

Apesar de estabelecer um marco no fim da escravidão, a Lei Áurea não promoveu transformações radicais nos cerca de 750 mil escravos libertos em território brasileiro. Sem nenhum amparo governamental, os alforriados se dirigiram para as grandes cidades ou se mantiveram empregados nas suas propriedades de origem. De fato, ao invés de promover a integração do negro à sociedade, a libertação foi seguida pelo aprofundamento da marginalização das camadas populares no Brasil.

Por Rainer Sousa
Graduado em História

 Fonte: www . brasilescola . com / datas-comemorativas/dia-abolicao-escravatura . htm

 

FELIZ PÁSCOA!

pascoa

PREPARE-SE: SUPORTE A WINDOWS XP E OFFICE 2003 TERMINA EM ABRIL

xp

Há quem ainda use o Windows XP e o Office 2003 em seus computadores. Para estes, a Microsoft anunciou que encerrará o suporte ao sistema operacional e ao pacote de programas em 8 de abril de 2014.

Quem mantiver os produtos em suas máquinas após a data poderá usá-los normalmente, mas não contará com atualizações de segurança ou suporte técnico oferecidos pela empresa. Segundo a Microsoft, a aposentadoria dos produtos será feita para que os usuários possam adotar outros mais adequados para o mercado atual, como o Windows 7 e 8 e Office 2007, 2010 e 2013.

Quem quiser abandonar os modelos antigos pode atualizar tanto o Windows quanto o Office para as versões mais novas (8 e 2013). Entretanto, é preciso checar se o computador atende aos requisitos indicados pela Microsoft. Veja cada um deles a seguir:

Requisitos de sistema para Windows 8

  • Processador de 1GHz ou superior
  • 2 GB de memória RAM
  • 20 GB de espaço livre em disco
  • Monitor com resolução 1024 x 768
  • Placa de vídeo com DirectX 9 com drive WDDM

Requisitos de sistema para Office 2013

  • Processador de 1 GHz
  • 2 GB de memória RAM
  • 3 GB de espaço livre em disco
  • Monitor com resolução 1366 x 768
  • Placa de vídeo com DirectX 10
  • Sistema operacional Windows 7 ou 8

Fonte: Microsoft

Fonte: www . tecmundo . com . br/windows-xp/49094-prepare-se-suporte-a-windows-xp-e-office-2003-termina-em-abril . htm#ixzz2qObKXQd7

DIA DO FICO – 9 de Janeiro

AMIGOS, ESTAMOS PASSANDO POR AQUI NÃO É POR ACASO. TUDO NA VIDA TEM PROPÓSITOS QUE ÀS VEZES DESCONHECEMOS, OU APENAS NÃO IDENTIFICAMOS DE IMEDIATO. POR ISSO, A MINHA PROPOSTA É A DE QUE NÃO DEIXEMOS CAIR NO ESQUECIMENTO OS FATOS QUE CONSTRUÍRAM A NOSSA HISTÓRIA. SOMOS BRASILEIROS, E, PORTANTO, RESPONSÁVEIS DIRETOS PELA PRESERVAÇÃO DAS NOSSAS MEMÓRIAS. E COMO CIDADÃOS, SOMOS OS GUARDIÕES DAS NOSSAS RIQUEZAS. FIQUEMOS ATENTOS! AINDA TEMOS O PODER EM NOSSAS MÃOS. VEJAM QUE COM MAIS DE 8 MIL ASSINATURAS MUDOU-SE O RUMO DA HISTÓRIA EM 1822. O QUE NÃO CONSEGUIREMOS AGORA? QUANDO O POVO QUER, OS REPRESENTANTES TÊM O DEVER DE ATENDER, EVIDENTEMENTE PRESERVANDO A ÉTICA E A LEGALIDADE.

DJANIRA FELIPE DE OLIVEIRA – MULHER QUE ESCREVE. MULHER QUE FAZ. E SABE POR QUÊ.

dia-do-fico-500x316

Se é para o bem de todos e felicidade geral da Nação, digam ao povo que fico.”. Nestas palavras históricas de D. Pedro I ficou registrado na História do Brasil, o Dia do Fico, no dia 9 de janeiro de 1822, desobedecendo às ordens da Corte Portuguesa, que exigia o seu retorno a Portugal.

Decidiu permanecer no Brasil. A situação política iniciou-se quando Portugal planejara transformar o Brasil, então Vice-Reinado, novamente numa colônia.

A elite agrária brasileira tinha o interesse na manutenção das liberdades comerciais que o Brasil havia alcançado após a Vinda da Família Real Portuguesa, o que provocou forte pressão interna desfavorável ao retorno de D. Pedro e ao Pacto Colonial.

No dia 8 de janeiro de 1822, José Bonifácio de Andrade e Silva, publicou no jornal Gazeta do Rio de Janeiro, uma carta criticando a decisão da Corte Portuguesa. Na época, José Bonifácio era membro do governo provisório.

Iniciaram coleta de assinaturas no Rio de Janeiro, em Minas Gerais e em São Paulo em prol da emancipação brasileira. Mais de oito mil assinaturas foram entregues, pelo presidente do senado, José Clemente Pereira, à Dom Pedro. Segundo os historiadores, o Dia do Fico fortaleceu o sentimento pela independência do Brasil.

Por Fernando Rebouças

http://pt.wikipedia.org/wiki/Dia_do_Fico

http://www.suapesquisa.com/independencia/

O QUE OCORRE COM UM MUNDO ONDE NINGUÉM VALORIZA A ÉTICA E A MORAL?

etica-moral

A educação é o segredo para a criação de uma nação forte e justa, dando às pessoas totais condições de serem completamente realizadas sob o ponto de vista pessoal e profissional. No entanto, é um processo em longo prazo e exige investimento, determinação e total comprometimento de todos na consecução deste importante quesito.

Um país onde as pessoas não são preparadas para se relacionarem umas com as outras (respeitando a justiça em todos os aspectos), tende a sofrer consequências gravíssimas. Temos como exemplo prático, o nosso Brasil, onde vemos a violência crescer assustadoramente em nosso meio: assassinatos, assaltos, estupros, dentre outras milhares de perversidades, são cada vez mais constantes em nosso meio. Desta maneira, vivemos enjaulados, presos em nossas fortalezas, blindados por cercas elétricas, alarmes, cães, seguranças, vidros impenetráveis, enfim, como se estivéssemos no meio de uma guerra, onde pudéssemos contemplar face a face o fogo cruzado bem na nossa frente, cabendo a nós criarmos nossos escudos contra nossos respectivos “soldados” rivais.

Além disso, vemos a corrupção tomar conta da nossa política. Assim, os homens que deveriam cuidar do tesouro nacional, fazem exatamente o contrário. Obviamente, a corrupção e as falcatruas existem em todos os países, todavia, com esse nível de canalhice, é somente por aqui, onde os participantes desse cenário cada vez mais demonstram falta de vergonha na cara, prejudicando grandiosamente a população. A saúde, a educação, a infraestrutura, a segurança, entre outros direitos essenciais à vida, estão sendo negligenciados por eles, causando desigualdade e exclusão social entre os cidadãos que mantém o país funcionando. Desta maneira, imperam os escândalos, o nepotismo, e a impunidade daqueles que usam sua astúcia para roubarem o dinheiro recolhido das altas taxas de impostos que temos aqui, empobrecendo cada vez mais a sociedade menos privilegiada e comprometendo assim, o futuro da nação.

Na esfera religiosa, podemos notar o preconceito existente entre os participantes, que não se respeitam e tampouco sabem valorizar o conhecimento e as crenças de seus semelhantes, como se todos aqueles que divergissem deles fossem passíveis de total desprezo e desdém por conta de terem pensamentos espirituais contrários. Desta forma, vemos que não existe união entre os religiosos, pelo contrário, existe uma guerra travada em busca da defesa de doutrinas, que são mais importantes do que a harmonia entre as pessoas. É óbvio que devemos defender nossos princípios, até porque, respeitar as diferenças não significa concordar com elas, no entanto, também precisamos nos preocupar em ter deferência com o próximo, dando a ele toda a dignidade que ele merece como ser humano.

Nas escolas, vemos nossos mestres serem agredidos verbalmente e fisicamente, como se fossem verdadeiros sacos de pancada, quando deveriam ser vistos como heróis, pois, possuem uma bagagem intelectual sólida, que é capaz de transformar nosso mundo e enriquecer nosso nível de conhecimento, nos curando de nossa ignorância e nos entregando sabedoria para podermos ser pessoas mais competentes. Vemos também, a prática covarde e cruel do bullying entre os alunos, onde prevalece sempre a lei do mais “forte”. Funciona mais ou menos assim: elege-se um bode expiatório e o sacrifica em prol da diversão de alguns imbecilóides, que vivem para apontar defeitos e criar fatos que inexistem, afetando a autoestima da vítima e destronando seu equilíbrio mental por conta da repetição de algumas agressões psicológicas contra essa determinada pessoa. Destarte, as escolas são verdadeiros infernos, tanto para os professores quanto para os alunos.

Existiriam outros milhares de problemas a externar neste artigo, mas ficarei apenas nestes explanados, que são mais do que suficientes para notarmos que vivemos em um caos administrativo, onde pessoas sofrem a todo o tempo por conta de decisões erradas que comprometem todo o país. Portanto, devemos valorizar mais os bons hábitos e o caráter, para que possamos ter um amontoado de seres inteligentes que fazem com que suas ações sejam pautadas nos três pilares que deveriam ser seguidos à risca por todos nós, a saber: a justiça, a dignidade humana e a ética.

Quando a vida de um homem estiver prestes a expirar, ele irá querer como nunca, antes quis olhar para o seu passado, e identificar o que ele construiu ao longo de sua existência. Se ele verificar que fez a diferença na vida das pessoas, ele saberá que cumpriu sua missão na terra, do contrário, ele notará que fez um mau uso daquilo que recebeu gratuitamente dos deuses. Sem dúvidas, se alguém quiser contribuir com a evolução da humanidade e com o futuro de nossos pares, deverá lapidar-se primeiramente, construindo um coração forte e uma mente instruída, para que assim, ele possa ser uma criatura que está preparada para ser luz em um mundo onde estamos cercados e pressionados cada vez mais pela escuridão, fazendo de sua alma uma alma de perpétua servidão e de total compromisso com a honra.

Pablo de Paula Bravin

Fonte: Administradores – 17/12/2013

31 DE OUTUBRO – HALLOWEEN – DIA DAS BRUXAS

diadasbruxas

Introdução

O Halloween é uma festa comemorativa celebrada todo ano no dia 31 de outubro, véspera do dia de Todos os Santos. Ela é realizada em grande parte dos países ocidentais, porém é mais representativa nos Estados Unidos. Neste país, levada pelos imigrantes irlandeses, ela chegou em meados do século XIX.

História do Dia das Bruxas

A história desta data comemorativa tem mais de 2500 anos. Surgiu entre o povo celta, que acreditavam que no último dia do verão (31 de outubro), os espíritos saiam dos cemitérios para tomar posse dos corpos dos vivos. Para assustar estes fantasmas, os celtas colocavam, nas casas, objetos assustadores como, por exemplo, caveiras, ossos decorados, abóboras enfeitadas entre outros.
Por ser uma festa pagã foi condenada na Europa durante a Idade Média, quando passou a ser chamada de Dia das Bruxas. Aqueles que comemoravam esta data eram perseguidos e condenados à fogueira pela Inquisição.
Com o objetivo de diminuir as influências pagãs na Europa Medieval, a Igreja cristianizou a festa, criando o Dia de Finados (2 de novembro).

Símbolos e Tradições

Esta festa, por estar relacionada em sua origem à morte, resgata elementos e figuras assustadoras. São símbolos comuns desta festa: fantasmas, bruxas, zumbis, caveiras, monstros, gatos negros e até personagens como Drácula e Frankestein.
As crianças também participam desta festa. Com a ajuda dos pais, usam fantasias assustadoras e partem de porta em porta na vizinhança, onde soltam a frase “doçura ou travessura”. Felizes, terminam a noite do 31 de outubro, com sacos cheios de guloseimas, balas, chocolates e doces.

Halloween no Brasil

No Brasil a comemoração desta data é recente. Chegou ao nosso país através da grande influência da cultura americana, principalmente vinda pela televisão. Os cursos de língua inglesa também colaboram para a propagação da festa em território nacional, pois valorização e comemoram esta data com seus alunos: uma forma de vivenciar com os estudantes a cultura norte-americana.

Críticas

Muitos brasileiros defendem que a data nada tem a ver com nossa cultura e, portanto, deveria ser deixada de lado. Argumentam que o Brasil tem um rico folclore que deveria ser mais valorizado. Para tanto, foi criado pelo governo, em 2005, o Dia do Saci (comemorado também em 31 de outubro).

A comemoração da data também recebe fortes críticas dos setores religiosos, principalmente das religiões cristãs. O argumento é que a festa de origem pagã dissemina, principalmente entre crianças e jovens, ideias e imagens que não correspondem aos princípios e valores cristãos. De acordo ainda com estes religiosos, as imagens valorizadas no Halloween são negativas e contrárias à pratica do bem.

fonte:http:// www. suapesquisa. com/datascomemorativas/halloween

TECNOLOGIA QUE TRANSFORMA QUALQUER SUPERFÍCIE EM TELA TOUCH JÁ ESTÁ À VENDA

omnitouch1

Transformar uma parede, por exemplo, em uma interface touch pode ser muito útil para professores ministrarem aulas, para jogar games interativos ou até mesmo para lojas demonstrarem seus produtos. A tecnologia que antes era um protótipo criado pela startup Ubi, utilizando o Kinect da Microsoft para o Windows, está pronta para chegar aos consumidores e seu período de vendas foi iniciado. As informações são do CNET.

A Microsoft anunciou que a Ubi tem trabalhado em cojunto com mais de 50 organizações para desenvolver o software e, agora, está aceitando as primeiras encomendas para o seu sistema. “Queremos que a colaboração humana e informação estejam a uma distância de apenas um toque de seu dedo, não importa onde você esteja”, afirmou no blog oficial da empresa Anup Chathoth, cofundador e CEO da Ubi. “Ao tornar possível transformar qualquer superfície em uma tela sensível ao toque, nós eliminamos a necessidade de um hardware para a tela e, assim, reduzimos os custos e ampliamos as possibilidades para permitir exposições interativas em locais onde antes não eram viáveis, como em paredes em espaços públicos”.

O projetor reflete a imagem em um vidro e um sensor Kinect, do outro lado, é usado para rastrear os movimentos dos usuários, permitindo que eles interajam com o sistema usando apenas o toque, como fariam utilizando um smartphone ou um tablet. O sistema do Kinect opera nativamente com a interface touchscreen do Windows, permitindo que os ícones possam ser acessados apenas com um toque e fotos ampliadas usando recursos multitouch.

Devido ao mapeamento 3D do Kinect, o sistema é capaz de dizer quando os usuários fizeram um clique completo, ao invés de apenas pairar com seus dedos sobre a tela, o que permite que os usuários folheiem páginas ou as percorram sem acabar selecionando itens com cada movimento que fizerem.

Para que o sistema funcione, os usuários precisam de um computador rodando o software desenvolvido pela Ubi, um projetor e o Kinect para Windows. O software da Ubi é comercializado em quatro pacotes distintos variando entre o Basic por US$ 149 (R$ 345) e o Enterprise por US$ 1.499 (R$ 3.477). O Kinect para Windows custa US$ 250 (R$ 580).

Fonte: Canal Tech – 19/08/2013

PREÇO DOS IMÓVEIS SOBE MAIS QUE O DOBRO DA INFLAÇÃO NO ANO

mi_25151696148881652

O preço médio do metro quadrado subiu mais que o dobro da inflação no ano, segundo pesquisa elaborada pela Fipe (Fundação Instituto de Pesquisa Econômica) e pela Zap Imóveis.

Enquanto o preço dos imóveis à venda acumulam alta de 7,3% em 2013, a variação para do IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) é de 3,2% para o período.

Nas 16 cidades com preços monitorados, Curitiba (PR) teve a maior alta no mês (3,7%), impulsionada pelos bairros de Água Verde e Bigorrilho. Por outro lado, Belo Horizonte (MG) foi a única cidade a registrar queda no preço médio do m², com variação negativa de 2,4%.

Em 12 meses, o mercado de Curitiba se mostrou o mais aquecido com aumento acumulado de 19,6%, seguido pelo Rio de Janeiro, com alta de 15,4%, Niterói (RJ), subida de 14,0%, São Paulo, que registrou variação positiva de 13,9%, e Porto Alegre (RS), aumento de 13,3%.

Os valores médios do m² em julho variaram de R$ 9.424, para o Rio de Janeiro, até R$ 3.646, em Vila Velha (ES). Em São Paulo, o m² ficou em R$ 7.361.

Entre as 16 cidades pesquisadas pelo indicador, a média se situou em R$ 6.900.

O Índice FipeZap, desenvolvido em conjunto pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) e pelo portal ZAP Imóveis, acompanha o preço médio do m2 de apartamentos prontos em 16 municípios brasileiros com base em anúncios da internet.

PREÇO MÉDIO DO METRO QUADRADO

Cidade Preço (em R$)
Rio de Janeiro (RJ) 9.424
Brasília (DF) 8.437
São Paulo (SP) 7.361
Niterói (RJ) 6.837
Recife (PE) 5.497
Fortaleza (CE) 5.108
Belo Horizonte (MG) 5.037
São Caetano do Sul (SP) 4.940
Florianópolis (SC) 4.746
Porto Alegre (RS) 4.542
Curitiba (PR) 4.374
Santo André (SP) 4.347
Salvador (BA) 4.267
Vitória (ES) 4.234
São Bernardo do Campo (SP) 4.116
Vila Velha (ES) 3.646
Média 6.900

Fonte: Fipe/Zap Imóveis e http: // economia. uol. com. br /noticias /redacao /2013 /08 /02 /preco-dos-imoveis-sobem-mais-que-o-dobro-da-inflacao-no-ano.htm

TREMOR NAS PÁLPEBRAS É SINAL DE QUE É PRECISO DESACELERAR, DIZEM MÉDICOS

mulher-coca-os-olhos-cocando-os-olhos-alguma-coisa-dentro-dos-olhos-cisco-no-olho-1358528906351_1024x768

Quem nunca sentiu aquele famoso tremor nas pálpebras? Algo tão irritante quanto impossível de ser controlado. Pior: pode durar dias, com direito a curtos intervalos. Mas por que isso é tão comum e, ao mesmo tempo, difícil de ser evitado?

A oftalmologista Andrea Lima Barbosa, diretora médica da Clínica dos Olhos São Francisco de Assis (RJ), conta que é extremamente comum pessoas chegarem a seu consultório com essa queixa.

“É sempre preocupante para a pessoa e o correto é procurar um especialista, mesmo. Esse tremor palpebral em episódios é uma luz vermelha avisando que algo não vai bem não só no seu corpo, mas em sua vida”, alerta a médica.

Ela conta que o tremor é um sinal de que a pessoa pode estar no auge do estresse. “Pode ser  fadiga, ansiedade, resultado de noites mal dormidas ou problemas pessoais , por exemplo”.

Saiba as causas e como tentar evitar:

Como as causas são diversas, para evitar o tremor involuntário das pálpebras deve-se identificar a mais importante e agir nela:

– Fadiga: pode ser causada pelo uso contínuo de computadores ou monitores (síndrome da visão do computador). Nestes casos há necessidade de se intercalar períodos de trabalho com períodos de descanso dos olhos, ou seja, a mudança de foco durante 15 minutos, antes de prosseguir no uso;

– Estresse: deve-se tentar evitar ou resolver as condições ou as situações do ambiente de trabalho ou familiar que estejam ligadas ao aumento da ansiedade; pode-se tentar a utilização de medicação relaxante muscular leve, sob indicação médica;

– Secura nos olhos: também pode estar relacionada ao uso contínuo de computadores. Usar colírios lubrificantes preventivamente é indicado, assim como aumentar a umidificação do ambiente de trabalho;

– Cafeína: se a causa for associada ao consumo excessivo de cafeína, de bebidas energéticas ou de cigarro, deve-se reduzir ou suspender seu consumo;

– Não identificadas: sugere-se a consulta oftalmológica completa com objetivo de se avaliar a função muscular das pálpebras, a superfície ocular, erros refracionais ou fundo de olho.

Fonte: Norma Allemann, Professora Adjunta do Departamento de Oftalmologia da Universidade Federal de Medicina – UNIFESP.

Estresse

Barbosa explica que o tremor, quase sempre unilateral, aparece porque liberamos hormônios ligados ao estresse que vão para o sistema nervoso autônomo. Estes hormônios levam estímulos para as pálpebras, que passam a ter contrações involuntárias, ou seja, impossíveis de se controlar.

Com ela concorda o oftalmologista Luiz Carlos Portes, ex-presidente e membro do conselho consultivo da Sociedade Brasileira de Oftalmologia. Ele acrescenta alguns outros fatores que podem desencadear o problema: ingestão excessiva de cafeína, carência de vitaminas, idade avançada, excesso de horas em frente ao computador etc.

Ambos enfatizam que o oftalmologista deve ser consultado para descartar qualquer doença, mas o comum é mesmo que tudo não passe de estresse.  Porém, se for algo além disso, o paciente será encaminhado para um neurologista, por exemplo.

Portes, porém, avisa que algumas doenças como conjuntivite e olho seco também podem provocar os espasmos. Isso sem contar que pessoas com mal de Parkinson e Síndrome de Tourette (desordem neurológica ou neuroquímica caracterizada por tiques, reações rápidas, movimentos repentinos  ou vocalizações que ocorrem repetidamente) também sofrem com esses espasmos.

Procurar o médico

“Por isso é importante consultar um oftalmologista”, enfatiza o médico. Porém, como na maioria dos casos o problema advém mesmo do estresse, ele comenta: “Há pessoas que ao ficarem estressadas, sentem azia. Outras têm dor nas costas e algumas têm este tremor. É difícil, mas é preciso achar um caminho para não sentir tudo isso”.

“Você tem de se perguntar: o que vai fazer da sua vida? Como anda o trabalho e os relacionamentos. Eu indico relaxamento, ioga, meditação, algo para acalmar mesmo. E, na medida do possível, evitar se estressar”, alerta Barbosa.

A médica insiste que é preciso tomar cuidado porque, se a pessoa não se cuidar, poderá desenvolver doenças cardíacas, depressão, ansiedade ou hipertensão, por exemplo.

“É preciso mesmo repensar a vida”, ressalta, acrescentando que ela própria já passou por isso: “Quando eu fazia plantão médico, eu mesma tinha isso com frequência. Era uma época bem estressante para mim”. Portes também já teve o mesmo problema, quando se preparava para o vestibular: “Eram menos opções de faculdades e a pressão era ainda maior. Estudava muito!”.

Como fazer parar?

Uma receita caseira dá conta de que compressas de chá de camomila ajudariam a parar o tremor.  “Melhor tomar o chá”, brinca a médica.  Porém, ela ensina que gelo é bom, porque anestesia a musculatura.

Já o médico conta que indica ao paciente um relaxante muscular, mas também aconselha a pessoa a ir ao cinema, praticar exercícios e descansar, pois o comum é que o tremor passe quando ela conseguir relaxar.  “Se notamos que é algo de ordem pessoal ou depressão mesmo, o correto é encaminhar a um psicólogo ou psiquiatra”.

Botox

Se a pessoa tiver o tremor de forma crônica, pode ser algo mais grave. “Existe a doença do espasmo essencial, blefarospasmo, que é rara. É o famoso tique nervoso, a pálpebra fica tremendo o tempo todo. Daí é preciso tratamento com um neuro-oftalmologista que usará injeções de Botox”, conta a médica. A indicação ocorre porque a toxina botulínica paralisa o músculo.

Norma Allemann, professora adjunta do Departamento de Oftalmologia da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo), conta que, em alguns desses casos, após diagnóstico diferencial adequado com doenças neurológicas que podem estar associadas, a toxina botulínica é aplicada em forma de injeções e tem duração variável de efeito, entre três e seis meses.  “O blefarospasmo é uma condição rara, um tipo de distonia facial, geralmente bilateral e associado a contraturas de outros músculos da face e caracterizado pela impossibilidade de controle voluntário.  Pode ser um sintoma de doenças neurológicas e deve ser acompanhado de consulta especializada para diagnóstico”, encerra.

Fonte: http:// noticias .uol .com .br / saude / ultimas-noticias /redacao /2013 /07 /02 /tremor-nas-palpebras-e-sinal-para-desacelerar-avisam-os-medicos.htm

EMPREENDER SOZINHO OU COM SÓCIOS?

socio

Quando decidimos abrir um negócio próprio, a próxima questão que surge, na grande maioria das vezes, é se encaramos esse desafio sozinho ou com sócios. Acredite: essa decisão pode ser tão importante quanto a de se tornar um empreendedor.

Existem vários aspectos que devem ser avaliados para que essa decisão tenha maior probalidade de dar certo do que errado. Não existe melhor ou pior caminho, com maior ou menor risco. Na verdade, sua chance de sucesso dependerá de um conjunto de fatores ligados ao perfil e aos propósitos de vida de cada um.

Vale a pena avaliar alguns pontos para entender se esse é o melhor caminho no seu caso:

1. Você possui conhecimento do mercado escolhido?

Para minimizar o risco de qualquer novo negócio, é fundamental que você tenha conhecimento prévio do segmento em que pretende atuar. Seja através de uma experiência anterior como executivo de empresas, como consultor da área, ou mesmo como um curioso e estudioso do assunto.
Caso lhe falte essa expertise, pode ser uma boa idéia se associar a alguém que traga essa bagagem.

2. Você tem capital suficiente para iniciar seu negócio?

Em alguns casos, você pode ter muita experiência no segmento, porém, não dispõe de todo capital para implantar o negócio. Lembrando que você deve considerar em seus cálculos inclusive o capital de giro que será necessário até o próprio negócio se pagar.

Nesse caso, você tem a opção de buscar um sócio para dividir igualmente investimentos e responsabilidades. Ou você pode se unir a um sócio-investidor, que entrará apenas com capital, enquanto você tocará a operação no dia a dia. Ou vice-versa.

Independentemente de você ser o empreendedor investidor ou o empreendedor que capitalizará sua parte com o trabalho, o grande desafio desse tipo de sociedade é obter, em ambos os papéis, o envolvimento necessário para que o negócio cresça.

Sem o envolvimento dos seus sócios, você estará, na prática, sozinho. E uma das grandes vantagens de se ter um sócio, é poder compartilhar ideias e se certificar sobre os caminhos a tomar. Mesmo um sócio investidor pode, e deve, funcionar como um conselheiro.

3. Perfil complementar

Uma possibilidade bem interessante é se unir a sócios que tenham um perfil complementar ao seu. Além de trazer expertises diferenciadas para o negócio, o que é muito bom, fica muito mais fácil definir claramente o papel e a responsabilidade de cada um, minimizando os possíveis conflitos de sobreposição de funções.

Essa composição de sociedade também confere autonomia e velocidade às decisões do dia a dia de cada sócio, uma vez que a estratégia principal do negócio esteja definida e compartilhada por ambos. Quem ganha com isso é a empresa, pois em um mercado cada vez mais competitivo, agilidade e assertividade podem fazer toda a diferença.

4. Comprometimento

É fundamental que esteja claro, desde o início da sociedade, o comprometimento e dedicação que cada um irá dar ao negócio. Por esse motivo, é importante entender o momento de vida de cada sócio. Isso envolve compromissos com a família, filhos, estudos, projetos paralelos, entre outros.

Outro fator importante é que o impacto financeiro seja sentido por todas as partes, pois, como diz o velho ditado: em se tratando de negócios, o bolso sempre será uma das partes mais sensíveis do ser humano. Se os resultados do negócio afetarem a todos, é certo que ninguém ficará parado, ou menos comprometido.

Mais do que todos esses pontos, é fundamental que todos os sócios tenham o mesmo brilho nos olhos quando estiverem falando e trabalhando no negócio. Aquele que só os apaixonados pelo que fazem conseguem ter.

Na minha opinião, se você conseguir encontrar um sócio que seja tão apaixonado quanto você pelo negócio, e que tenha atitude e garra para fazer acontecer apesar de todas as dificuldades que aparecerão, você já terá percorrido um grande caminho para criar e desenvolver uma empresa tão grande quanto o tamanho de seus sonhos.

Fonte:http: // economia .uol. com .br / ultimas -noticias / colunistas / filomena-garcia /2013 /04 /09 /empreender-sozinho-ou-com-socios.htm

%d blogueiros gostam disto: