Arquivo da categoria: Divulgação

DIA 7 DE SETEMBRO INDEPENDÊNCIA DO BRASIL

Caros amigos e Leitores,

Essa matéria é História do Brasil. Por isso, chamo a sua atenção para o último parágrafo e peço, por favor, observarem: Em que pese o tempo decorrido a situação parece bem atual ou podemos acreditar que estamos mesmo em retrocesso na velocidade da luz? A questão é não esquecer nem apagar a nossa História.

129_2623-O Grito do Ipiranga

Independência ou Morte: 7 de setembro de 1822 – quadro de Pedro Américo

Introdução

A Independência do Brasil é um dos fatos históricos mais importantes de nosso país, pois marca o fim do domínio português e a conquista da autonomia política. Muitas tentativas anteriores ocorreram e muitas pessoas morreram na luta por este ideal. Podemos citar o caso mais conhecido: Tiradentes. Foi executado pela coroa portuguesa por defender a liberdade de nosso país, durante o processo da Inconfidência Mineira.

Dia do Fico

Em 9 de janeiro de 1822, D. Pedro I recebeu uma carta das cortes de Lisboa, exigindo seu retorno para Portugal. Há tempos os portugueses insistiam nesta ideia, pois pretendiam recolonizar o Brasil e a presença de D. Pedro impedia este ideal. Porém, D. Pedro respondeu negativamente aos chamados de Portugal e proclamou : “Se é para o bem de todos e felicidade geral da nação, diga ao povo que fico.”

O processo de independência

Após o Dia do Fico, D. Pedro tomou uma série de medidas que desagradaram a metrópole, pois preparavam caminho para a independência do Brasil. D. Pedro convocou uma Assembleia Constituinte, organizou a Marinha de Guerra, obrigou as tropas de Portugal a voltarem para o reino. Determinou também que nenhuma lei de Portugal seria colocada em vigor sem o ” cumpra-se “, ou seja, sem a sua aprovação. Além disso, o futuro imperador do Brasil, conclamava o povo a lutar pela independência.

O príncipe fez uma rápida viagem à Minas Gerais e a São Paulo para acalmar setores da sociedade que estavam preocupados com os últimos acontecimento, pois acreditavam que tudo isto poderia ocasionar uma desestabilização social. Durante a viagem, D. Pedro recebeu uma nova carta de Portugal que anulava a Assembleia Constituinte e exigia a volta imediata dele para a metrópole.

Estas notícias chegaram as mãos de D. Pedro quando este estava em viagem de Santos para São Paulo. Próximo ao riacho do Ipiranga, levantou a espada e gritou : ” Independência ou Morte !”. Este fato ocorreu no dia 7 de setembro de 1822 e marcou a Independência do Brasil. No mês de dezembro de 1822, D. Pedro foi declarado imperador do Brasil.

Bandeira Brasil Império

 Bandeira do Brasil Império. Primeira bandeira brasileira após a Independência.

Pós Independência

Os primeiros países que reconheceram a independência do Brasil foram os Estados Unidos e o México. Portugal exigiu do Brasil o pagamento de 2 milhões de libras esterlinas para reconhecer a independência de sua ex-colônia. Sem este dinheiro, D. Pedro recorreu a um empréstimo da Inglaterra.

Embora tenha sido de grande valor, este fato histórico não provocou rupturas sociais no Brasil. O povo mais pobre se quer acompanhou ou entendeu o significado da independência. A estrutura agrária continuou a mesma, a escravidão se manteve e a distribuição de renda continuou desigual. A elite agrária, que deu suporte D. Pedro I, foi a camada que mais se beneficiou.

Fonte: www. suapesquisa .com / independencia

DIA DA MULHER AFRO-LATINO-AMERICANA E CARIBENHA.

Por Djanira Felipe – mulher que escreve, faz e sabe o porquê.

Tereza de Benguela – (Internet/Reprodução)

Esta breve introdução ao teor do texto é parcialmente reflexiva porque é quase impossível pensar na mulher, nos seus múltiplos papéis na sociedade e abranger o assunto em sua totalidade. A mulher por si só é um universo repleto de qualidades a começar pelo dom sagrado da maternidade, condição esta que denota no âmbito familiar a sua fundamental importância. Então começa a partir da família uma longa história de lutas e conquistas realizadas pelas mulheres para “conquistar espaços” porque na verdade nada chega sem um propósito na vida das pessoas. Particularmente quando escrevo ou falo sobre o tema “mulher” ou algo referente tenho muito cuidado porque não corroboro com alguns discursos nos quais a mulher é percebida sempre como um objeto de vitimização e subestimação, porque temos literaturas que versam as mais extraordinárias histórias de lutas, determinação e coragem protagonizadas por mulheres, que até os dias de hoje nos orgulham e inspiram a continuar combatendo qualquer política ou atitude discriminatória em especial as mulheres negras que continuam a lutar contra o preconceito, por direitos iguais, contra a violência e o feminicídio entre outros.

A pretensão é ressaltar a importância do dia 25 de julho que no Brasil, desde 2014 celebra-se o Dia Nacional de Tereza de Benguela e da Mulher Negra– em homenagem a líder quilombola que viveu no século 18 e que foi morta em uma emboscada. Tereza se tornou rainha do quilombo do Quariterê, no Mato Grosso, quando o marido José Piolho morreu. Ela mostrou ser uma líder nata: criou um parlamento local, organizou a produção de armas, a colheita e o plantio de alimentos e chefiou a fabricação de tecidos que eram vendidos nas vilas próximas.

A data de celebração no Brasil é oriunda do primeiro Encontro de Mulheres Negras Latinas e Caribenhas, em 1992 em Santo Domingos, na República Dominicana, ocasião na qual discutiram sobre machismo, racismo e formas de combatê-los. Daí surgiu uma rede de mulheres que permanece unida até hoje. Do encontro, nasceu também o Dia da Mulher Negra Latina e Caribenha, lembrado todo 25 de julho, data que foi reconhecida pela ONU ainda em 1992.

Dos doze meses do ano, exceto janeiro e junho, têm um dia comemorativo em homenagem ou em prol das mulheres. O dia 25 de Julho tem como objetivo, além de celebrar fortalecer as organizações voltadas às mulheres negras e reforçar seus laços, trazendo maior visibilidade para sua luta e pressionando o poder público.

 

 

geledes.org.br

guiadoestudante.abril.com.br

Programa Carlos Rocha na TV Capital Rio – Entrevista Djanira Felipe 030720

Amigos compartilho a entrevista concedida ao amigo Carlos Rocha em Live dia 03/07/2020 para quem não conseguiu acompanhar ao vivo.

Os amigos e leitores que não tiveram a oportunidade de assistir ao programa ao Vivo peço, por favor, que prestigiem agora e podem curtir, comentar, e se for o caso criticar. O Feedback é sempre uma oportunidade para melhorias.

Siga este BLOG.

Abraços

Djanira Felipe – mulher que escreve, faz e sabe o porquê.

Adroaldo da Cunha Portal – ouçam porque é importante saber.

Adroaldo da Cunha Portal Chefe de Gabinete da Liderança do PDT no Senado Federal faz uma Análise e traz informações e esclarecimentos sobre a situação atual de forma clara, objetiva e sem nenhuma pretensão de politizar.

IPTU 2020 – RIO DE JANEIRO

O IPTU é essencial para a cidade. Uma parte do seu valor é empregado em despesas administrativas. A outra, na manutenção de áreas como saúde, educação, mobilidade, segurança e demais investimentos. Fique em dia com o IPTU. Você ajuda a fazer um Rio melhor. ( Retirado na íntegra da página http://wpro.rio.rj.gov.br/ipturio/)

Amigos,

Então, agora que sabemos para que serve o valor arrecadado VAMOS APRENDER A COBRAR AS MELHORIAS DOS GOVERNANTES.

Adm. Djanira Felipe – mulher que escreve, faz e sabe o porquê.

DATAS DE VENCIMENTO PARA O PAGAMENTO DO IPTU EM PARCELAS

Cota COTA ÚNICA E 1ª COTA 2ª COTA 3ª COTA 4ª COTA 5ª COTA 6ª COTA 7ª COTA 8ª COTA 9ª COTA 10ª COTA
Vencimento 07/FEV 06/MAR 07/ABR 08/MAI 05/JUN 07/JUL 07/AGO 08/SET 07/OUT 09/NOV

Grifo nosso: negrito.

VOCÊ DECIDE!

Meus Amigos vejam que oportunidade extraordinária para realizar o seu sonho. Para morar ou investir.

LIGA PARA MIM 21 97152-3328

DIA 7 DE SETEMBRO INDEPENDÊNCIA DO BRASIL

Caros amigos e Leitores,

Essa matéria é História do Brasil. Por isso, chamo a sua atenção para o último parágrafo e peço, por favor, observarem: Em que pese o tempo decorrido a situação parece bem atual ou podemos acreditar que estamos mesmo em retrocesso na velocidade da luz? A questão é não esquecer nem apagar a nossa História.

129_2623-O Grito do Ipiranga

Independência ou Morte: 7 de setembro de 1822 – quadro de Pedro Américo

Introdução

A Independência do Brasil é um dos fatos históricos mais importantes de nosso país, pois marca o fim do domínio português e a conquista da autonomia política. Muitas tentativas anteriores ocorreram e muitas pessoas morreram na luta por este ideal. Podemos citar o caso mais conhecido: Tiradentes. Foi executado pela coroa portuguesa por defender a liberdade de nosso país, durante o processo da Inconfidência Mineira.

Dia do Fico

Em 9 de janeiro de 1822, D. Pedro I recebeu uma carta das cortes de Lisboa, exigindo seu retorno para Portugal. Há tempos os portugueses insistiam nesta ideia, pois pretendiam recolonizar o Brasil e a presença de D. Pedro impedia este ideal. Porém, D. Pedro respondeu negativamente aos chamados de Portugal e proclamou : “Se é para o bem de todos e felicidade geral da nação, diga ao povo que fico.”

O processo de independência

Após o Dia do Fico, D. Pedro tomou uma série de medidas que desagradaram a metrópole, pois preparavam caminho para a independência do Brasil. D. Pedro convocou uma Assembleia Constituinte, organizou a Marinha de Guerra, obrigou as tropas de Portugal a voltarem para o reino. Determinou também que nenhuma lei de Portugal seria colocada em vigor sem o ” cumpra-se “, ou seja, sem a sua aprovação. Além disso, o futuro imperador do Brasil, conclamava o povo a lutar pela independência.

O príncipe fez uma rápida viagem à Minas Gerais e a São Paulo para acalmar setores da sociedade que estavam preocupados com os últimos acontecimento, pois acreditavam que tudo isto poderia ocasionar uma desestabilização social. Durante a viagem, D. Pedro recebeu uma nova carta de Portugal que anulava a Assembleia Constituinte e exigia a volta imediata dele para a metrópole.

Estas notícias chegaram as mãos de D. Pedro quando este estava em viagem de Santos para São Paulo. Próximo ao riacho do Ipiranga, levantou a espada e gritou : ” Independência ou Morte !”. Este fato ocorreu no dia 7 de setembro de 1822 e marcou a Independência do Brasil. No mês de dezembro de 1822, D. Pedro foi declarado imperador do Brasil.

Bandeira Brasil Império

 Bandeira do Brasil Império. Primeira bandeira brasileira após a Independência.

Pós Independência

Os primeiros países que reconheceram a independência do Brasil foram os Estados Unidos e o México. Portugal exigiu do Brasil o pagamento de 2 milhões de libras esterlinas para reconhecer a independência de sua ex-colônia. Sem este dinheiro, D. Pedro recorreu a um empréstimo da Inglaterra.

Embora tenha sido de grande valor, este fato histórico não provocou rupturas sociais no Brasil. O povo mais pobre se quer acompanhou ou entendeu o significado da independência. A estrutura agrária continuou a mesma, a escravidão se manteve e a distribuição de renda continuou desigual. A elite agrária, que deu suporte D. Pedro I, foi a camada que mais se beneficiou.

Fonte: www. suapesquisa .com / independencia

CONVITE A SEMEAR CONSCIENTE

Caros Amigos e Leitores,

Um Convite Especial aos Brasileiros. Vocês sabem que este canal de comunicação foi criado para a nossa conexão, por meio de matérias que promovam o bem comum e sejam de interesse da sociedade como um todo. O nosso Brasil está carente de cuidados. Nós sentimos na pele as consequências dessa realidade. Por isto, resolvi enviar da forma mais poética um convite aos amigos e leitores que acompanham o nosso trabalho desde a criação deste blog. Aliás, mais do que um convite é um chamamento à reflexão.

Abraços fraternos e poéticos aos seus corações.

Djanira Felipe – mulher que escreve, faz e sabe o porquê.

 

 

Convite a semear consciente

Um momento, por favor,

Porque agora é diferente.

Fica feliz vem com a gente

CIRO GOMES é o nosso

CANDIDATO a PRESIDENTE!

 

Convido você a fazer um semear consciente.

Fazer a escolha coerente, eleger alguém que se importe.

Com as aflições que a gente sente.

Por isso, pensei em escreve, este poema a nossa gente.

 

Espero que tenha alcance de uma forma diferente.

Que não represente lamento nem denote sofrimentos,

Que não traduza somente lamúrias e desalentos.

Quero que o povo compreenda que os anseios nascem ardentes.

E a esperança não morre se esconde dentro da gente.

 

Há pessoas que não sabem

A porta certa a adentrar

Eu encontrei o caminho. A dica vai te levar.

Filiei-me ao PDT, filiei-me à AMT e espero lá por você!

 

Assim do Oiapoque ao Chuí nós podemos escolher

Ciro Gomes Presidente e o Brasil voltar a crescer

Porque Brizola é presente e Ciro é o Presidente

Que o povo brasileiro nas urnas vai eleger.

 

Brizola Presente Ciro Presidente

Eu no PDT Eu na AMT

Djanira Felipe – mulher que escreve, faz e sabe o porquê.

ANUIDADE CRA – RJ – 2018

Amigos e Leitores,

Conforme costumo fazer. Informo como Gerar o seu Boleto do CRA-RJ sem embaraços:

Adm. Djanira Felipe – mulher que escreve, faz e sabe o porquê.

Autoatendimento do CRA-RJ

PASSO A PASSO

  1. Acessar a página do CRA-RJ
  2. Logar com CPF e Senha
  3. Entrar
  4. Se não lembrar a sua senha:
  5. Esqueci minha senha
  6. Verificar e-mail e copiar a senha enviada pelo CRA-RJ
  7. Colar e Logar.
  8. Clicar na Aba “Financeiro” do Menu
  9. Anuidades
  10. Marca o quadrinho da Anuidade
  11. Pagar Selecionados
  12. Escolher a Forma de pagamento
  13. Pagar ou Imprimir se for o caso.

OBS: Este Passo a Passo é apenas para facilitar as pessoas administradoras que encontrarem dificuldades para gerar o boleto ou pagar online. Eu consegui dessa forma facilmente, contudo, NÃO TRABALHO NO CRA-RJ. As dúvidas devem ser encaminhadas ao CRA-RJ.

Boa Sorte!

 

ANUIDADE CRA – RJ – 2018

Amigos e Leitores,

Conforme costumo fazer. Informo como Gerar o seu Boleto do CRA-RJ sem embaraços:

 

 

 

Adm. Djanira Felipe – mulher que escreve, faz e sabe o porquê.

Autoatendimento do CRA-RJ

PASSO A PASSO

  1. Acessar a página do CRA-RJ
  2. Logar com CPF e Senha
  3. Entrar
  4. Se não lembrar a sua senha:
  5. Esqueci minha senha
  6. Verificar e-mail e copiar a senha enviada pelo CRA-RJ
  7. Colar e Logar
  8. Clicar na Aba “Financeiro” do Menu
  9. Anuidades
  10. Marca o quadrinho da Anuidade
  11. Pagar Selecionados
  12. Escolher a Forma de pagamento
  13. Pagar ou Imprimir se for o caso.

OBS: Este Passo a Passo é apenas para facilitar as pessoas administradoras que encontrarem dificuldades para gerar o boleto ou pagar online. Eu consegui dessa forma facilmente, CONTUDO, NÃO TRABALHO NO CRA-RJ. AS DÚVIDAS DEVEM SER ENCAMINHADAS AO CRA-RJ.

Boa Sorte!

LICENCIAMENTO DE VEÍCULOS – 2018 – CEARÁ

LICENCIAMENTO DE VEÍCULOS – 2018 – CEARÁ
Final da Placa Mês do Vencimento Dia do Vencimento
1 MARÇO 12
2 ABRIL 10
3 MAIO 10
4 JUNHO 11
5 JULHO 10
6 AGOSTO 10
7 SETEMBRO 10
8 OUTUBRO 10
9 NOVEMBRO 12
0 DEZEMBRO 10
VALORES DO SEGURO OBRIGATÓRIO
Saiba quanto pagar
Observação
Este cronograma está passível de alteração conforme conveniência administrativa.

Para emitir sua taxa de licenciamento, clique aqui

Fonte: http://portal.detran.ce.gov.br/index.php/calendario-de-licenciamento

APARTAMENTO EXCELENTE! NO MELHOR DA ALDEOTA.

Perto do Shopping Aldeota, Del Paseo, 138m2  com 3 Suítes, Gabinete, Varanda, Ampla Sala. Duas vagas de Garagem. Gás e água inclusos no condomínio. Valor: R$480.000

Djanira Felipe

Corretora de Imóveis

Tel.: 9 8152-3328

CRECI – 17605

 

%d blogueiros gostam disto: