Arquivo diário: 2013/11/05 9:23:25 PM

DANIEL ARAGÃO PREPARA NOVO FILME TENDO COMO PANO DE FUNDO O RECIFE

CULTURA

Hoje é dia da Ciência e Cultura. E por falar em cultura, li esta matéria interessantíssima, que me chamou à atenção pelo nome da jovem e linda atriz BIANCA JOY PORTE, a quem Parabenizo pelo PAPEL PRINCIPAL no filme, Prometo um dia deixar esta cidade, com votos de sucesso pleno. 
Para àqueles que tiveram a oportunidade de conhecer o trabalho e talento da nossa querida amiga ELIANA OVALLE, como atriz, agora conhecerá o talento da sua filha. Amigos leiam a matéria sobre o filme, link Jornal do Commercio, de hoje.
SUCESSO BIANCA!

Djanira Felipe – Mulher que escreve. Mulher que faz.

Elenco principal, formado por Zécarlos Machado, Bianca Joy Porte e Sergio Marone já ensaia no Recife.

 Foto: Ricardo B. Labastier/JC Imagem

ef18cab64c620121823ecc77aabb8a25

Entre os cineastas pernambucanos da nova geração, Daniel Aragão se destaca pela opção de trabalhar com atores profissionais. Em Boa sorte, meu amor, que lhe valeu o Candango de Melhor Filme no Festival de Brasília do ano passado, ele atraiu novos rostos (a talentosa Christiana Ubach) e atores experientes (o veterano Carlo Mossy, por exemplo) para seu filme de estreia. “Eu acho bacana ter uma relação de apreciação com o trabalho do ator. Nem sempre um ator não-profissional está apto para refletir sobre a sua atuação. Sem essa troca, o trabalho do diretor fica menos interessante”, acredita.

Para o segundo longa-metragem, o drama familiar Prometo, um dia deixar esta cidade, Daniel ousou ainda mais. Ele conseguiu a adesão de um ator de teatro, cinema e TV que, atualmente, é um dos mais desejado entre os cineastas brasileiros: o paulista Zécarlos Machado – ou, para quem não uniu o nome à pessoa, o psicanalista Théo Ceccato do seriado cult Sessão de terapia, o carro-chefe do canal a cabo GNT. “O cinema pernambucano tem identidade própria e consegue mexer em assuntos universais e questões fundamentais a partir da sua raíz. Isso me obriga, como ator, a mexer em minhas camadas também”, raciocina.

Há duas semanas, Zécarlos e os atores Sérgio Marone e Bianca Joy Porte ensaiam com Daniel na Cicatrix Filmes, no bairro do Parnamirim. No filme, os três formam um triângulo amoroso formado por um político (Zécarlos), a filha dele (Bianca) e seu assessor (Sergio). A personagem principal se esconde no título Prometo um dia deixar esta cidade. Jolie, vivida por Bianca, volta ao Recife depois de uma certa ausência e esse movimento contrário traz com ela uma série de conflitos, além da ambivalência dos sentimentos em relação à cidade onde mora.

“Os ensaios têm sido uma oportunidade única, é um processo de construção bem interessante. Ao entrar no personagem e nesse universo, vou conhecendo o Recife e fazendo outras pesquisas, além de trabalhar referências e assistir a filmes”, explica a atriz da telenovela Caminhos do coração (Record) e da peça Fragmentos, seus trabalhos mais conhecidos. “A escolha dela foi mais visceral. Bianca tem um rosto interessante, estudou teatro e tem um percurso que me interessa para esse filme. Basicamente, o filme é sobre o psicológico e o drama dela”, comenta Daniel.

Ambos com 32 anos, a mesma idade de Daniel, Sergio Marone e Bianca Joy Porte ão animais novos no mundo do cinema. Galã de telenovelas como O clone, Cobras e lagartos, Morde e assopra e Malhação, o ator paulista está procurando novas oportunidades. “Fiquei encantado com Boa sorte, meu amor e fiquei muito feliz com o convite de Daniel, que conheci durante o Hollywood Brazilian Film Festival, em Los Angeles. Sou fã do cinema pernambucano há um bom tempo, é o mais original e autêntico do nosso País”, comenta o ator.

O roteiro escrito por Daniel, segundo Zécarlos Machado, foi o motivo que o levou a aceitar encarnar o político pernambucano Antônio. “Ele trabalha com imagens fortes. É quase como se revelasse a alma do político fora dos palanques, sua relação com a família e a filha. Isso traz questões da rua e do cotidiano que repercutem na vida desse homem, que se candidata a um cargo de poder na cidade”, argumenta Zécarlos.

As gravações de Prometo um dia deixar esta cidade começam no próximo dia 11 e vão continuar por cinco semanas, com locações no Recife e em Aldeia. Daniel ainda vai contar com a atriz portuguesa Ana Moreira, dos filmes Transe e Tabu, e o entertainer Luiz Carlos Miéle. De Pernambuco, já estão confirmados os nomes de Albert Tenório, Jorge Riba e Sandro Guerra. A produção é de Mariana Jacob e o orçamento é R$ 500 mil. Recursos para a finalização e a distribuição ainda serão captados depois.

http://jconline.ne10.uol.com.br

Jornal do Commercio – Publicado em 05/11/2013, às 06h38

 

05 DE NOVEMBRO – DIA DA CULTURA E DA CIÊNCIA

20111104131519

Inspirando-se no nascimento do abolicionista Ruy Barbosa, o Brasil comemora o Dia da Cultura e da Ciência. A data foi institucionalizada em 15 de maio de 1970 com a Lei nº 5.579 e tem como objetivo estimular a produção de conhecimento científico e expressões culturais em todo o país.

Ruy Barbosa, eminente estadista brasileiro, foi o pioneiro da cidadania e dos direitos humanos, um dos mais importantes personagens da História do Brasil. Era dotado de inteligência privilegiada e de grande capacidade de trabalho. Foi presidente da Academia Brasileira de Letras em substituição ao grande Machado de Assis. Representou o Brasil na Segunda Conferência Internacional da Paz, em Haia e também foi eleito Juiz da Corte Internacional de Haia, um cargo de enorme prestígio. Cidadão exemplar, ainda hoje sua memória é fonte de inspiração para um grande número de brasileiros.

Cultura é o conjunto de costumes, tradições, conhecimentos, instituições e valores partilhados por determinado grupo social que seguem um padrão. São as manifestações intelectuais, sociais e artísticas que caracterizam determinada sociedade.

Ciência (do latim scientia, significando “conhecimento”) refere-se a qualquer conhecimento ou prática sistemática. Refere-se ainda à investigação, estudo e descoberta de novos conhecimentos.

Escolas, Faculdades, Instituições e Centros de Cultura em todo o mundo percebem que para se construir uma cultura consolidada e um saber científico valorizado é se faz necessário investir em educação. A educação deve se pautar em práticas que envolvam ciência e cultura desde os anos iniciais.

http://www.daemo.com.br

%d blogueiros gostam disto: