TARIFA DE METRÔ NO RIO SOBE PARA R$ 3,50 NESTA TERÇA; BARCA VAI A R$ 4,80

Barcas e Metrô

As tarifas dos serviços de metrô e barcas do Rio de Janeiro subiram para R$ 3,50 e R$ 4,80, nesta terça-feira (2), respectivamente, em função do IGP-M (Índice Geral de Preços do Mercado) acumulado entre janeiro e dezembro de 2012.

Em relação ao serviço prestado pela concessionária MetrôRio, cujo bilhete custava R$ 3,20, houve reajuste de 8,5%. O aumento do preço das barcas, por sua vez, que era de R$ 4,50, corresponde a 6,2%. O sistema marítimo é administrado pela CCR.

Para os usuários das barcas que utilizam o Bilhete Único Intermunicipal, a tarifa continuará fixada em R$ 3,10. A diferença é custeada pelo governo estadual por meio de subsídios.

As empresas argumentam que os reajustes foram aprovados pela Agetransp (Agência Reguladora de Serviços Públicos Concedidos de Transportes Aquaviários, Ferroviários e Metroviários e de Rodovias do Estado do Rio de Janeiro) no dia 26 de fevereiro.

De acordo com a Agetransp, como o reajuste anual de tarifas é previsto nos contratos de concessão firmados com o governo do Estado, não há necessidade de justificativa. Basta que as empresas façam o aviso prévio de trinta dias aos usuários.

Protesto

Nos horários de pico, os passageiros do metrô do Rio de Janeiro quase são obrigados a desafiar a lei da física que atesta que dois corpos não ocupam o mesmo lugar no espaço. Na linha-2, o aperto já começa na Pavuna, a primeira estação na zona norte, e vai piorando até a chegada ao centro da capital carioca

Muitos usuários do metrô do Rio de Janeiro tentam driblar a superlotação viajando de volta da estação mais próxima até a primeira estação na expectativa de, pelo menos, conseguir um espaço mais confortável dentro do vagão. A tarifa subiu para R$ 3,20 a partir desta segunda (2)

Outro problema enfrentado pela população que usa o metrô do Rio de Janeiro é o constante defeito do ar-condicionado dos vagões, que raramente funcionam. O resultado do problema: passageiros passando mal

Indignados com o serviço das barcas, usuários organizam por meio de redes sociais um ato para protestar contra o reajuste de 6,6%. A manifestação acontecerá nesta terça-feira, às 18h, em frente à estação da Praça 15, no centro do Rio.

O aumento vai afetar o trajeto diário –entre a capital fluminense a cidade de Niterói, na região metropolitana do Estado– de aproximadamente 106 mil pessoas. Atualmente, o sistema é o meio de transporte público mais caro do Rio. Mais de 300 pessoas confirmaram presença na manifestação.

Aumento em Nova Iguaçu

Em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, o preço da passagem de ônibus subiu de R$ 2,75 para R$ 2,80 –reajuste de 5,72%– nesta segunda-feira (1º).

Já na capital fluminense, o reajuste anual –que seria de 5,4%, o que fará a tarifa subir de R$ 2,75 para R$ 2,90– continua suspenso pela Secretaria Municipal de Transportes após um acordo com o governo federal.

O aumenta estava previsto para entrar em vigor a partir do dia 2 de janeiro de 2013.

Fonte: http: // noticias.uol.com.br /cotidiano /ultimas-noticias /2013 /04/02 /tarifa-de-metro-no-rio-sobe-para-r-350-nesta-terca-barca-vai-a-r-480.htm

 

 

Publicado em 2013/04/02 5:22:50 PM, em Brasil, Cidadania, Divulgação, Notícias, Rio de Janeiro e marcado como , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: