Mulher de quase 2,4 metros de altura pede ajuda no RS

Kátia Rodrigues, 48, sofre de gigantismo e precisa de andador.
Por causa da altura, ela não caminha e não terminou os estudos.

Do G1, em São Paulo

A mãe de Kátia Rodrigues, 48 anos, pede ajuda para que a filha consiga um andador em Gravataí (RS). Kátia sofre de gigantismo e, por causa de sua altura, que chega atualmente a cerca de 2,37 metros, não consegue mais andar.

Gaúcha tem 2,37 metros e mora na cidade de Gravataí (Foto: Fernando Gomes/Ag. RBS)
Gaúcha tem 2,37 metros e mora em Gravataí (RS)
(Foto: Fernando Gomes/Ag. RBS)

“Ela não consegue mais andar”, diz Clari Rodrigues, mãe de Kátia. “A fisioterapeuta indicou um andador especial. Nem sei dizer o quanto custa.”

Segundo Clari, a filha completou os estudos apenas até a 8ª série. Hoje, recebe tratamento gratuito custeado pelo estado para tentar não crescer mais.

O gigantismo foi percebido aos três meses de idade. O aparelho recomendado é um andador com material para suportar o peso de Kátia. “Ela quer fazer as coisas que fazia antes”, diz a mãe.

Kátia também pode ser a mulher mais alta do mundo, se confirmada sua altura.

Segundo o Guinness Book, Livro dos Recordes, a mulher mais alta de todos os tempos foi a chinesa Zeng Jinlian, que media 2,48 metros.

Hoje, a considerada mais alta é a chinesa Yao Defen, que tem 2,34 metros.

Anúncios

Publicado em 2011/07/28 9:40:21 PM, em Notícias, Saúde e marcado como , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: